Projetos

scroll down 

Atividades diversas

Promoção e Educação para a Saúde (PES)

O Projeto Promoção e Educação para a Saúde (PES) é transversal a todos os níveis de ensino (desde o pré-escolar ao ensino secundário), desenvolvendo-se nos diferentes níveis de ensino de forma integrada no currículo e de acordo com os conteúdos/objetivos/metas/aprendizagens essenciais a trabalhar em cada momento e em articulação com todas as áreas disciplinares dos diferentes níveis de ensino.

O principal objetivo é contribuir para a prevenção de comportamentos de risco e a promoção de comportamentos saudáveis. Assim, o Programa de Saúde Escolar tem como finalidades:

  • Promover e proteger a saúde e prevenir a doença na comunidade educativa;
  • Apoiar a inclusão escolar de crianças com necessidades de saúde e educativas especiais;
  • Promover um ambiente escolar seguro e saudável;
  • Reforçar os fatores de proteção relacionados com os estilos de vida saudáveis;
  • Contribuir para o desenvolvimento dos princípios das escolas promotoras da saúde.

O Agrupamento de Escolas da Lourinhã tem desenvolvido parcerias com diversas entidades que permitem implementar projetos e proporcionar o desenvolvimento de atividades ligadas à educação para a saúde, designadamente, o Centro de Saúde da Lourinhã, a Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (Programa + Contigo), a Liga Portuguesa Contra o Cancro, a Equipa de Neurodesenvolvimento e Pediatria dos Hospitais CUF, a Associação Clube PHDA e o Município da Lourinhã, entre outros.

eTWINNING

O eTwinning é a comunidade de escolas da Europa (43 países incluindo Portugal) que disponibiliza uma plataforma, lançada em 2005, como a principal ação do Programa de eLearning da Comissão Europeia e, desde janeiro de 2014, faz parte do Erasmus+, o programa europeu para a Educação, Formação, Juventude e Desporto. Tal como podemos ler no seu portal, este projeto disponibiliza a referida plataforma para que os profissionais da educação (educadores de infância, professores, diretores, bibliotecários) das escolas dos países europeus envolvidos possam comunicar, colaborar, desenvolver projetos e partilhar. Para concretizar o seu objetivo, o eTwinning promove a colaboração entre escolas da Europa, com recurso às Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), proporcionando apoio, ferramentas e serviços, para além de oferecer também oportunidades de Desenvolvimento Profissional gratuito e contínuo para educadores.

O Agrupamento de Escolas da Lourinhã dinamizou, continua a dinamizar e prepara já novos projetos nacionais e internacionais, tendo já recebido Selos de Qualidade pelos projetos internacionais «I Love Creative Writing» (2018-2019) e «Schools and Dinossaurs» (2019-2020). 

Em abril de 2020, o Agrupamento de Escolas da Lourinhã foi premiado com o galardão “Selo Escola eTwinning 2020-2021”, após um processo de duas fases.  O nosso Agrupamento foi uma das 2139 escolas europeias distinguidas com este prémio (94 Portugal) por ter sido considerado pioneiro e líder nas áreas de: práticas digitais, práticas de eSafety, abordagens pedagógicas e criativas, promoção do desenvolvimento profissional contínuo dos professores e promoção de práticas de aprendizagem colaborativas entre professores e os alunos.

No início do mês de dezembro de 2020, o Agrupamento recebeu a placa e o restante material relativo ao galardão “Selo Escola eTwinning”. Como não foi possível realizar uma cerimónia presencial para celebrar este reconhecimento, o Serviço de Apoio Nacional do eTwinning & Embaixadores eTwinning/DGE decidiram dinamizar uma sessão online, através da plataforma Zoom, que permitisse aprofundar o sentimento de partilha que existe nesta comunidade eTwinning. Neste sentido, a cerimónia destinada às escolas do Algarve, Lisboa e Madeira realizou-se no dia 16 de dezembro de 2020, pelas 10h30, e contou com a presença do Diretor e da Mentora eTwinning em representação do Agrupamento de Escolas da Lourinhã. 

A sessão foi gravada e difundida a partir das redes do eTwinning e da DGE, tendo sido destacada a visibilidade deste evento, nomeadamente os elementos e projetos que integram as equipas das Escolas/Agrupamentos, com o intuito de sensibilizar outros professores para o desenvolvimento de projetos eTwinning. Refira-se igualmente que os projetos e os eventos são divulgados na página do Agrupamento, na Newsletter do Agrupamento e no Jornal Alvorada.

Outro evento que merece relevo foi a participação no workshop «Escolas eTwinning: da partilha nasce a inovação!», que decorreu no dia 26 de maio de 2021, das 10 às 13 horas, moderado por Teresa Lacerda, coordenadora da Organização Nacional de Apoio eTwinning/DGE, e que contou com a participação do Agrupamento de Escolas da Lourinhã no painel «As Escolas eTwinning são organizações de aprendizagem inclusivas e inovadoras / Exemplos para outras escolas», evidenciando a execução contextualizada de melhores práticas através de projetos eTwinning desenvolvidos no nosso Agrupamento. 

A inovação e a inclusão deram o mote para uma reflexão partilhada a propósito da criação de múltiplos contextos de aprendizagem enriquecidos por tecnologias e pela promoção de práticas educativas inclusivas. O testemunho oral do nosso Agrupamento, apoiado num vídeo elucidativo com alguns eventos e projetos, enriqueceu uma manhã de partilhas entre Escolas/Agrupamentos, a nível nacional, com formas inclusivas e inovadoras de intervenção em educação. 

A participação, o envolvimento e os resultados do nosso Agrupamento no eTwinning são o reconhecimento do êxito alcançado pela equipa e colaboradores com o apoio e participação de tod@s.

Junte-se à Comunidade eTwinning! Integre a mais estimulante comunidade de aprendizagem na Europa! 

ERASMUS +

Origem

O programa Erasmus, acrónimo do nome oficial em língua inglesa, European Region Action Scheme for the Mobility of University Students (Plano de Ação da Comunidade Europeia para a Mobilidade de Estudantes Universitários), é um plano de gestão de diversas administrações públicas, que apoia e facilita a mobilidade académica dos estudantes e professores.

O programa deve o seu nome ao filósofo, teólogo, humanista do Renascimento, monge holandês, e devoto católico romano, Erasmo de Roterdão. Erasmo viveu e trabalhou em vários locais da Europa para expandir o seu conhecimento e desenvolver o seu humanismo.

História

O programa Erasmus+ foi criado em 1987 por iniciativa da associação estudantil AEGEE Europe, fundada por Franck Biancheri (mais tarde presidente do partido transeuropeu Newropeans), e promovida e posteriormente apadrinhada pelo Comissário europeu da Educação da Comissão Delors, Manuel Marín, com o especial apoio do presidente da República FrancesaFrançois Mitterrand e do Governo de EspanhaFelipe González.

Missão

Os projetos Erasmus+ proporcionam oportunidades de intercâmbio e cooperação através de atividades de participação dos jovens na vida democrática no seio da União Europeia.

Estes projetos de cooperação e mobilidade possuem uma verba de implementação que faz face às despesas correntes do quotidiano das atividades a desenvolver ao longo da vigência do projeto, bem como de verbas destinadas ao apoio às mobilidades com o objetivo de financiar e promover o intercâmbio estudantil por forma a ajudar a melhorar as competências básicas dos participantes nomeadamente, no multilinguismo, na igualdade e na inclusão dos estudantes (aprovadas em sede de candidatura Erasmus+). 

Competências

As atividades de cariz intercultural e de inovação estrutural aumentam a qualidade do ensino e aprendizagem e promovem a aquisição de aptidões e competências básicas dos estudantes, contribuindo para o seu desenvolvimento pessoal e profissional, bem como para uma cidadania europeia ativa. Ajudam ainda a combater o insucesso e o abandono escolar precoce, reforçando a qualidade do ensino, sensibilizando os estudantes e o pessoal educativo para a importância da diversidade cultural e linguística.

Gestão

A Agência Nacional Erasmus+ Educação e Formação gere as mobilidades e parcerias estratégicas nos setores do Ensino Escolar, Ensino e Formação Profissional, Ensino Superior, International Credit Mobility e Educação de Adultos.

Erasmus + no AEL

2017/2019: Developping Soft Skills towards European Citizenship – Portugal/Espanha/Alemanha

2018/2022: STEAM (Sciense, Technology, Engeneering, Arts, Mathematics) – Portugal, Turquia, Inglaterra, Suécia, Letónia, Bélgica.

2020/2023: SERRIC (Sustainability) – Portugal, Grécia, Chipre, Alemanha, Suécia.

Plano Nacional das Artes – Projeto Cultural de Escola

“(Des)construir (In)tolerâncias”

Introdução

“O Plano Nacional das Artes (PNA) é uma iniciativa das áreas governativas da Cultura e da Educação criada com o horizonte temporal 2019-2024. É uma estrutura de missão que envolve parcerias com a administração local, entidades privadas e a sociedade civil, com o propósito de dar um lugar central às artes e ao património na formação ao longo da vida.

Os principais objetivos são: garantir o acesso e a participação dos cidadãos na fruição das artes e da produção cultural; expandir a oferta cultural educativa e promover o conhecimento, a integração e o encontro de culturas.

O PNA trabalha em articulação com o Plano Nacional de Leitura (PNL2027), a Rede de Bibliotecas Escolares, o Plano Nacional de Cinema, o Programa de Educação Estética e Artística e a Rede Portuguesa de Museus, de forma a articular e potenciar a ação destes programas e redes.

A missão do PNA é promover a transformação social, mobilizando o poder educativo das artes e do património na vida dos cidadãos: para todos e com cada um. A implementação do plano requer a participação de todos: entidades públicas e privadas, empresas, autarquias, instituições culturais, escolas, famílias, artistas, educadores, professores, alunos…”

In https://www.dge.mec.pt/sites/default/files/Projetos/PNA/Documentos/estrategia_do_plano_nacional_das_artes_2019-2024.pdf

 

Projeto Cultural de Escola (PCE)

Objetivos Gerais

  • Criar uma identidade de Agrupamento, unificando, organizando, partilhando e envolvendo as várias vertentes das Artes no seio da comunidade educativa.
  • Valorizar na escola o desenvolvimento do pensamento crítico e criativo, a sensibilidade estética e artística e a interpretação dos referentes culturais e artísticos.
  • Promover iniciativas de âmbito cultural e artístico, desenvolvidas dentro e fora da escola.

Objetivos Específicos

  • Consciencializar a comunidade educativa para o valor do património cultural como fator de coesão e de pertença e para as Artes como promotoras da formação integral do cidadão.
  • Apoiar as iniciativas que estimulem a criação individual e coletiva.
  • Promover o reconhecimento do valor da diversidade humana apelando ao diálogo e ao respeito pelo outro.
  • Produzir recursos e estratégias pedagógicas apoiadas nas Artes que promovam a transversalidade do currículo.

Os objetivos do PCE estão em linha com:

  •  Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória
  • Objetivos de Desenvolvimento Sustentável _ONU
  • Objetivos para a Educação 2030_OCDE
  • Projeto Educativo do Agrupamento

ECO-ESCOLAS

Eco-Escolas é um programa internacional da “Foundation for Environmental Education” vocacionado para a educação ambiental, para a sustentabilidade e para a cidadania. Em Portugal desde 1996, tem sido desenvolvido pela  Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE).

O programa é coordenado a nível internacional, nacional, regional e de escola, o que permite a confluência para objetivos, metodologias e critérios comuns que respeitam a especificidade de cada escola relativamente aos seus alunos e caraterísticas do meio envolvente.

Tem o apoio das pessoas e Instituições da Comissão Nacional, de vários municípios e apoios específicos de mecenas para algumas das suas atividades.

É implementado em todos os níveis de ensino e a sua metodologia, inspirada nos princípios da Agenda 21 Local, visa garantir a participação das crianças e jovens na tomada de decisões, promover uma cidadania responsável e contribuir para uma escola e uma comunidade mais sustentáveis.

Cada escola é desafiada, em função do seu diagnóstico, a trabalhar diversos temas e a desenvolver ações no sentido de alcançar os objetivos de melhoria pretendidos, enquadrados nos temas do projeto: RESÍDUOS, ENERGIA, ÁGUA, BIODIVERSIDADE e muitos outros. Estas ações são delineadas em articulação com as áreas curriculares e em parceria com outros projetos escolares, tentado estabelecer sinergias e envolvendo entidades parceiras.

No AEL, o programa está a ser desenvolvido na Escola Básica Salvador Leonardo Ferreira e na Escola Secundária Dr. João Manuel da Costa Delgado, ambas  com a Bandeira Verde, o galardão Eco-Escolas.

Educação para a Cidadania

A Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania “visa o desenvolvimento de competências para uma cultura de democracia e aprendizagens com impacto na atitude cívica individual, no relacionamento interpessoal e no relacionamento social e intercultural, através da componente de Cidadania e Desenvolvimento (…).”

Artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 55/2018, de 6 de julho

Cada escola define a sua estratégia de educação para a cidadania, de acordo com o disposto no referido Decreto-Lei. 

No AEL, muitas turmas, orientadas pelos seus Diretores de Turma, têm desenhado e tentado concretizar projetos de elevada relevância.

 

11ºB – Fábrica Pedagógica de Detergentes Ecológicos – Ver projeto

 

Outros Projetos…

RECICLAR EM MIRAGAIA

À semelhança dos anos anteriores a Escola Dr. Afonso Rodrigues Pereira desenvolve o Projeto “Reciclar em Miragaia”, no âmbito do desenvolvimento sustentável e educação ambiental. Existe em cada sala um ecoponto para plástico/alumínio, e um ecoponto para papel/cartão. A colocação correta do lixo nos ecopontos é da responsabilidade de toda a comunidade escolar, para se conseguir reciclar na Escola. O projeto incluiu a participação no Programa Ecovalor dinamizado pela Câmara Municipal da Lourinhã, incluindo a participação de toda a comunidade escolar, à semelhança dos anos transatos, nos Concursos No azul é que está a dar, No Amarelo é que está a dar e No verde é que está a dar!

 

JARDINAGEM E SUSTENTABILIDADE: “UM ALUNO, UMA PLANTA”

A jardinagem tem sido uma atividade desenvolvida junto dos alunos do Centro de Apoio à Aprendizagem (CAA), tendo por base o conteúdo “A Diversidade das Plantas” da disciplina de Ciências Naturais.

As atividades realizadas foram sempre no sentido de incutir aos alunos o respeito pelo ambiente, permitir o contacto com a natureza, entender o solo como um material terrestre de suporte essencial à vida e que a produção de alimentos deve ser acompanhada por medidas de conservação dos solos.

 

 

SCHOOLS AND DINOSAURS – ETWINNING

O objetivo global do projeto “Schools and Dinosaurs – Miragaia longicollum meets Magyarosaurus dacus” é conectar escolas europeias localizadas em regiões ricas em vestígios fósseis de dinossauros, para partilha das descobertas paleontológicas, através da plataforma eTwinning.

 

 

O DINOSSAURO MIRAGAIA

“O Dinossauro Miragaia” é um projeto educativo e de intervenção comunitária que visa promover a cidadania, a diversidade cultural, a transdisciplinaridade, a educação artística e a inclusão. Propõe-se como símbolo e tema estruturante deste projeto o estegossauro Miragaia longicollum, importante descoberta paleontológica em Miragaia, como estímulo não só para a aprendizagem das ciências, em geral,  mas também para o estudo de outras áreas do conhecimento. 

 

 

CÃES DO OESTE

A criação deste projeto contribui para o desenvolvimento de práticas de inclusão, nomeadamente no acompanhamento pedagógico dos nossos alunos com Necessidades Específicas de Aprendizagem, que se encontram ao abrigo de Medidas Educativas do Decreto-Lei n.º 54/2018, de 6 de julho, sobretudo do art.o 10º, alínea b) Adaptações Curriculares Significativas. Queremos contribuir para o seu sucesso educativo, com a prestação de um ensino especializado, cujo objetivo primordial se centra na promoção do seu sucesso pessoal, escolar e social.

 

 

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Este projeto iniciou-se no ano letivo de 2012/2013 e visa o reconhecimento da importância nutricional dos alimentos. Anualmente, é selecionado um determinado alimento e é feita uma pesquisa sobre a sua importância na alimentação humana.   Os alunos do 6º ano fazem também uma recolha de receitas sobre esse alimento, Todo este trabalho resulta na publicação de um livro digital que é apresentado à comunidade no Dia Mundial da Alimentação do ano letivo seguinte.

Mais Projetos…

Projeto Internacional eTwinning
Livros=Máscaras Literárias/ Books=Literary Masks

O principal objetivo do Projeto Internacional eTwinning «Livros=Máscaras Literárias» / «Books=Literary Masks» consistiu em partilhar atividades criativas relacionadas com livros, entendendo-os como máscaras literárias, entre escolas de vários países: Portugal, Turquia, Roménia, Jordânia e Lituânia. O Projeto decorreu entre março e maio e assentou no princípio da partilha de atividades em torno do livro, português e estrangeiro, promovendo abordagens pedagógicas inovadoras e criativas com práticas de aprendizagem colaborativa entre docentes-discentes e desenvolvendo temas como as artes, o diálogo intercultural, a escrita criativa, os/as autores/as e respetivos/as leitores/as.

As atividades realizadas pelos/as alunos/as das turmas 8.º A, 8.º C, 9.º B e 9.º C da Escola Básica Dr. Afonso Rodrigues Pereira – Agrupamento de Escolas da Lourinhã – foram sempre o foco central que combinou aprendizagem, partilha, conhecimento e o uso de tecnologia, agregando valor a este Projeto. Efetivamente, o desenvolvimento de competências TIC, como boas práticas digitais, e-Safety e utilização de ferramentas digitais, aliado à promoção da comunicação intercultural no currículo e à promoção do trabalho colaborativo com outros parceiros no planeamento, execução e avaliação do projeto tornaram «Livros=Máscaras Literárias» um verdadeiro trabalho cooperativo e de intercâmbio cultural, de integração curricular e de inovação pedagógica. Contámos com a participação de tod@s sempre numa perspetiva inclusiva e colaborativa nunca esquecendo que as inúmeras iniciativas realizadas foram partilhadas e documentadas através da cooperação entre os parceiros. Para além desta partilha, ficámos também a conhecer outras escolas e outras realidades: um mundo real descoberto através do eTwinning que contou com a participação total de 19 docentes e 155 discentes de 5 países. Na forma de duas faixas, o Projeto Internacional eTwinning «Livros=Máscaras Literárias» esteve patente na semana cultural AgrupARTE, na Escola Secundária Dr. João Manuel da Costa Delgado, no dia 9 de maio, Dia da Europa/eTwinning, iniciámos a exposição na Escola Básica Dr. Afonso Rodrigues Pereira, em Miragaia, e, atualmente, está exposto na Biblioteca Municipal da Lourinhã, pois consideramos essencial a disseminação, partilhando com toda a comunidade escolar e educativa projetos europeus desta natureza.

 

Logotipo criado pela aluna Safira Rodrigues, 9.º B

AGRUPAMENTO DE ECOLAS DA LOURINHÃ

Sede na Escola Secundária Dr. João Manuel da Costa Delgado

 

Vale de Geões, Apartado 13

2534-909 Lourinhã

 

261 416 950

261 416 958